Bem-Vindo a este espaço.
Todos os comentários, discussões e debates são bem-vindos independentemente da opinião expressa estar ou não de acordo com a minha. Para tal é necessário cumprir quatro requisitos: respeito, tolerância, educação e escrever correctamente! Reservo-me, no entanto, ao direito de encerrar qualquer tópico quando assim o entender, bem como, de remover qualquer comentário que considere não respeitar as regras acima mencionados! Obrigado e participe!
________________________________________________
Sexta-feira, 10 de Agosto de 2007

Comboio

"Vá combóio meu combóio carrega na velocidade pára só quando chegarmos à cidade"

 

Cantava assim o Sérgio Godinho em "O  Porto aqui tão perto" do album "Canto da Boca", de 1981.

 

Ontem estava apeado para regressar a casa. Como faço, como não faço... boleia para o centro de Lisboa e Mafrense? Não, vou agora andar às voltas para quê?! Hum... "Caminete" para a estação da Amadora, comboio para Sintra e boleia para casa? Nããã.... para me irem buscar a Sintra, vêm a Alfragide! Caramba! E porque não?! Comboio para a Malveira, é isso mesmo!

 

Foi assim que revivi os meus tempos de estudante! As dificuldades, os horários, os comboios, os transpordos, até o "pica" a passar bilhetes no comboio, fizeram-me recuar 20 anos. Tão dificil que era ir de Alverca para Lisboa, naquela altura! Comboios de hora a hora... nas horas de ponta, com (às vezes) hora e meia de espera pelo transbordo em Sacavém; atrasos... menos de meia hora era considerado "à tabela"!

 

Ontem, só a parte dos atrasos foi diferente (a "voz" da estação pediu desculpa pelo atraso previsto de... 3 minutos!). Mas gostei e é sem dúvida uma experiência a repetir. Não sai muito mais barato que o carro e demora-se um pouco mais tempo, mas é uma importante e necessária quebra de rotina! Cheguei à Malveira "fresco" e preparado para um belo repasto n'O Saloio (onde tive a companhia do Sr. Ministro, Eng.)!

A viagem é bonita e descobrem-se belos recantos, como por exemplo, a Ribeira dos Tostões (suponho eu) a seguir à estação de Mafra. Notei outra grande diferença... não havia gente pendurada nas portas.

 

São 46 minutos da Malveira a Entrecampos e custa 2,50€.. Sensivelmente o mesmo que a Mafrense, numa viagem muito mais confortável e agradável. Bastava apenas aumentar um pouco a cadência de comboios às horas de ponta e criar o bilhete tipo suburbano mais barato, ou passe, para ser uma alternativa credível. Assim houvesse neste País uma correcta politica de mobilidade e transporte, onde os lobbies das "caminetes" e do transporte rodoviário não imperasse!

 

Recomendo... quando mais não seja, para quebrar a rotina!


SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 10:36
Abrir tópico | Comentar...
________________________________________________


SECÇÕES

- mensagem -

abril

actualidade

automoveis

cidadania

divagações

férias

fotografia

fotografias

memoria

memorias

memórias

musica

poesia

sociedade

todas as tags

FRESCOS:

Dedicatória

O Fim

Fado Fátima Futebol

Estranha Ditadura

Love Will Tears Us Apart

Prioridades

Que Grandes Bombas

Entregar o Palácio às pes...

Coerências

Marcel Marceau

Portugal no seu melhor...

Convexo

Comboio

O Pequeno Galo Vermelho

Lei de Murphy

MADUROS:

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007