Bem-Vindo a este espaço.
Todos os comentários, discussões e debates são bem-vindos independentemente da opinião expressa estar ou não de acordo com a minha. Para tal é necessário cumprir quatro requisitos: respeito, tolerância, educação e escrever correctamente! Reservo-me, no entanto, ao direito de encerrar qualquer tópico quando assim o entender, bem como, de remover qualquer comentário que considere não respeitar as regras acima mencionados! Obrigado e participe!
________________________________________________
Terça-feira, 13 de Março de 2007

Fotografias

Beauty era o nome do meu cão, em honra ao cavalo negro da série "As Aventuras de Black Beauty" passada na década de 70. Morreu deve fazer uns 25 anos...

Encontrei-o entre Porto Covo e a Ilha, deitado de focinho esticado no chão. Concerteza, contemplando a Bela Adormecida!

 

E este é o Sr. Lexim...

 

A vida são dois dias...

... e a Festa do Avante! três

 

Por agora chega. Vou continuar a minha luta com o scanner, que deixou de funcionar depois da ultima actualização do Windows


SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 22:17
Abrir tópico | Comentar... | Comentários (2)

Digital ou “Analógica”

Sempre fui um acérrimo defensor da fotografia “analógica” (o termo analógico não é correcto, já que  tenho dúvidas que se possa chamar analógico ao processo fotográfico dessa s máquinas).


Por um lado, só agora as digitais se  começam a aproximar da resolução das “analógicas”. Não se pode fazer uma comparação directa entre ambas, uma vez que um rolo de 35mm não é composto por pixeis. Mas estudos feitos concluem que a fotografia digital teria de ter uma resolução de 15 a 20MP, para se equivalerem aos 35mm. É verdade que já comecei a olhar para a D200 da Nikon, mas o preço...

Por outro lado, há tambem a questão da evolução do material que se traduz, também, no preço. Se tivesse comprado a D70, agora queria a D200... e daqui a pouco tempo, outra D qualquer! Esta questão, embora também se coloque, não é tão grave nas “analógicas”.

Dizem-me que 6MP são mais do que suficientes. É verdade. Para ver no PC ou impressas em 10x15! Não discuto isso. Mas também não é discutível que não teria conseguido “scannar” a Ilha do Pessegueiro para A3 a partir de uma foto tirada do parque de campismo, sem zoom!

Dizem-me também, que é melhor ver fotografias na televisão ou no PC... nem comento! Questão de gostos...


Mas, pasmem-se, vejo bastantes vantagens nas digitais!

-          Para quem não é rico, ultrapassa o problema de tirar fotos em série;

-          A facilidade de as colocar no PC e, consequentemente na Internet, e “brincar” com elas;

-          Para profissionais que tenha dinheiro para as D200’s, pela facilidade com que obtém os resultados;

-          E para aprender a fotografar.

Esta última é quanto a mim, a grande mais-valia das digitais. Fazer experiências e ver os resultados dias depois ou analizá-los imediatamente, tem um efeito radicalmente diferente quando se quer aprender a mexer em profundidades de campo, velocidades, luz, etc etc etc.

Mas para isso é preciso uma boa máquina, e lá vamos cair nas D200’s!...

E depois há o slogan da Kodak: “Para mais tarde recordar...”! Estoirar 900 fotografias numa semana de férias tendo todas as noites visto na televisão as desse dia, não tem  o mesmo efeito de, acabadas as férias e revelados os rolos, sentar no sofá a passá-las uma a uma... recordando!


Toda esta balela serve para introduzir uma nova secção no Blog: fotografia. Por agora, e enquanto não arranjo o “scanner”, só com as da digital


 


SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 18:12
Abrir tópico | Comentar... | Comentários (4)
Segunda-feira, 12 de Março de 2007

Verão Quente III

Cronologia de acções terroristas (continuação), retirado de

http://www.iscsp.utl.pt/cepp/indexfro1.php3?http://www.iscsp.utl.pt/cepp/anuario/secxx/ano1976.htm

 

02/01/76 - Rede bombista de direita. Assalto a centro de trabalho do PCP no Montijo. Começa a vaga de ataques da rede bombista de direita. Metralhada a livraria Vitor em Braga

07/01/76 - Rede bombista. Bomba na cooperativa árvores do Porto. Petardo no domicílio de militante do MDP na Póvoa do Varzim.

08/01/76 - Violência anticomunista. Petardo contra militante do PCP em Fafe. Bomba em carro de funcionário do IRA em Coruche. Bomba em Amarante contra autarca. Rajadas de metralhadora em Braga contra carro de turistas espanhóis

13/01/76 - Rebentam uma série de bombas contra militantes ou instalações ligadas aos comunistas em Rio Tinto, Porto e Monchique. Agredido militante do PS em Fátima

14/01/76 - Bombas em tabacaria e pastelaria no Porto

16/01/76 - Bombas em Montemor-o-Novo (contra PCP), Vila do Conde (sessão do MDP) e évora (sede do PS). Petardos contra navio soviético em Leixões. Incidentes em Esposende (bomba contra autarca). Petardos contra casas de militantes de esquerda em Fafe

17/01/76 - Terrorismo anticomunista. Bomba contra militante do MDP em Santo Tirso. Outras bombas em Viseu, Viana do Castelo e Olhalvo.

19/01/76 - Petardo contra casa de militante do PCP em Bragança.

20/01/76 - Bomba contra sede do MES em Faro.

21/01/76 - Bombas da Direita. Rebentamentos em Mértola, Santo Tirso, Porto, Arruda dos Vinhos, Seia, Gouveia, Braga, Lisboa, S. Martinho do Porto e Braga.

29/01/76 Incêndio destrói sedes do MES, UDP, FSP e FEC na Covilhã. Seis atentados em Braga.

30/01/76 - Violência de Direita. Comandos CODECO assaltam instalações da Standard Eléctrica em Cascais.

03/02/76 - Assalto a sede do PCP em Mirandela. O últimos dos centros comunistas ainda em funcionamento em Trás-os-Montes.

07/02/76 - Violência de direita. Bombas em Penalva do Castelo e Mangualde.

13/02/76 - Assalto a centro de trabalho do PCP em Mirandela.

15/02/76 - Assalto a centro de trabalho do PCP em Tortosendo.

12/03/76 - Dois elementos do PCP são espancados em Braga

15/03/76 - Granadas contra sede do PCP em Espinho.

03/04/76 - Morte do Padre Max da UDP na zona de Vila Real, por atentado bombista

29/04/76 - Suspensão do MDLP. Spínola, no Rio de Janeiro, suspende a actividade do MDLP.


SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 18:00
Abrir tópico

Frase do dia

"O próximo Presidente do Governo Regional da Madeira é como a pescada: antes de o ser, já o era!"

Por Portugalex, na Antena 1

SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 09:29
Abrir tópico | Comentar... | Comentários (3)

Outra verdade inconveniente

Em declarações à Sky, Hans Blix voltou agora a afirmar que a invasão do país (Iraque) foi "claramente ilegal"

"Eles (Bush e Blair) puseram pontos de exclamação em vez de pontos de interrogação."

"Eu penso que se eles nos tivessem deixado continuar as inspecções durante mais alguns meses, nesse caso teríamos conseguido ir a todos os locais considerados suspeitos pelos serviços secretos", afirmou Blix. "E uma vez que não havia armas, teríamos respondido: 'não há armas em nenhum dos locais'", acrescentou.

in Publico http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1287974&idCanal=15

SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 09:22
Abrir tópico | Comentar...
Domingo, 11 de Março de 2007

Verão Quente II

Cronologia de acções terrosrista, retirado de

http://www.iscsp.utl.pt/cepp/indexfro1.php3?http://www.iscsp.utl.pt/cepp/anuario/secxx/ano1975.htm


26/05/75 - Violência anticomunista. Ataque a sede do MDP em Bragança

03/06/75 - Atentados bombistas da direita, em Lisboa.

19/06/75 - Rebenta bomba junto da Igreja da Graça em Lisboa.

13/07/75 - Violência anticomunista. Começa a escalada de assalto a sedes de partidos de esquerda, com a destruição das sedes PCP e da FSP em Rio Maior.

21/07/75 - Assalto a sedes do PCP em Estarreja, Aveiro, Castelo Branco, Oliveira de Azemeis e Camanhã. Bomba destrói rádio-farol em Vilar Formoso. Destruída sede do MDP e sala da câmara em Matosinhos.

16/08/75 - Violência anticomunista. Boicote a comício do PCP em Alcobaça. Incidentes em Braga no fim de um comício do MRPP. Bombas contra sede do MES em Vila Nova de Gaia. Assalto a sede do PCP em Algoz.

26/08/75 - Assaltos em Leiria (MDP), Porto, na Areosa (PCP), Peniche (PCP) e bomba na FSP em Lisboa.

27/08/75 - Assaltos em Leiria (LCI e FEC) e Esmoriz (PCP)

31/08/75 - Assalto em Cinfães (MDP). Atentado bombista contra a Emissora Nacional na Madeira.

07/09/75 - Violência anticomunista. Bomba na Efacec em Matosinhos.

15/09/75 - Violência anticomunista. Explosões na Emissora Nacional da Guarda. Tentativa de assalto ao RCP de Miramar.

20/09/75 - Violência anticomunista. Bombas na Batalha

21/09/75 - Bomba na messe da Marinha em Cascais onde dormia Pinheiro de Azevedo

21/09/75 - Violência anticomunista. Bombas no Porto e em Leiria.

22/09/75 - Bomba contra sede do PCP na Marinha Grande

24/09/75 - Bomba contra sede do PCP em Vieira do Minho e na E. Nac. De Bragança

25/09/75 - Violência anticomunista/ Terrorismo de Direita. Bombas num automóvel em Monsanto. Morte de três elementos de um comando do ELP que tentavam fazer explodir antena da RTP.

09/10/75 - Atentado contra sindicalista em Montoito

09/10/75 - Bombas contra MDP e delegação do ministério da agricultura em Mirandela

10/10/75 - Atentado contra militante do PCP em Elvas

10/10/75 - Violência de Direita. Bombas em Lagos e Viana do Castelo

15/10/75 - Bomba contra militante do PCP em Fafe. No Porto contra sede da LCI. Em Elvas contra a Estação de Melhoramento de Plantas.

16/10/75 - Bomba em Alcácer do Sal contra instalações do ministério da agricultura

17/10/75 - Bomba anticomunista em Melgaço

18/10/75 Incendiada sede da UDP no Porto

21/10/75 - Bomba contra livraria comunista no Porto.

23/10/75 - - Violência anticomunista. Tiros em Lisboa contra viatura do RALIS

25/10/75 - Terrorismo de Direita/Violência anticomunista. Cinco bombas em Lisboa contra carros de militares de esquerda

25/10/75 - Violência anticomunista. Bomba contra a Editorial Inova do Porto

29/10/75 - Bombas contra militante do PCP no Porto.

30/10/75 - Bomba anticomunista em Mirandela

31/10/75 - Bombas anticomunistas em Fafe e Vila Nova de Famalicão

02/11/75 - Violência anticomunista. Bombas em Chaves, em Lisboa e na Madeira.

03/11/75 - Terrorismo de Direita. Bomba em Lisboa contra viatura da Academia Militar.

05/11/75 - Violência anticomunista. Petardos em águeda, évora, Gaia, Porto e no Comando Naval dos Açores. Bombas contra sindicalistas no Porto e em Beja

06/11/75 - Bomba contra militante comunista em Valpaços.

14/11/75 - Bombas no Porto contra a Intersindical, a UEC e o Rádio Clube Português.

16/11/75 - Bombas em Melgaço e Matosinhos.

17/11/75 - Violência de Direita. Bomba em Coimbra contra militante da LCI. Assalto ao munícipio de Alfândega da Fé.

18/11/75 - Terrorismo anticomunista. Bomba em Lisboa contra livraria do Diário de Notícias

27/11/75 - Bombas em Braga, Viana do Castelo e no Porto

30/11/75 - Bomba contra sede do PCP em Fafe

04/12/75 - Bomba contra sede do PCP em Vila Nova de Famalicão

23/12/75 - Bombas contra sedes do PCP em Freamunde e Póvoa do Varzim.

25/12/75 - Terrorismo anticomunista. Bomba contra livraria comunista em Vila Nova de Gaia.


SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 00:53
Abrir tópico
Sábado, 10 de Março de 2007

Tirei-a do baú...

Já há algum tempo que andava tentado, com vontade de a ter na mão. Perguntava-me se ainda sabia mexer nela.

Depois de ver A Bela Adormecida, aliado ao belo dia que se fez hoje, decidi-me! Fui ao baú, enfiei-lhe um rolo, peguei na familia e fui para a Foz do Lizandro. Acabei a tarde na esplanada bebendo uma bejeca e comendo uma tosta.

E a minha FM10 voltou a ganhar vida!


SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 20:05
Abrir tópico | Comentar... | Comentários (4)
Sexta-feira, 9 de Março de 2007

Maria, Maria

Ontem foi o dia da mulher. Propositadamente não fiz qualquer referência ao assunto. Considero um dos dias mais machistas do ano.
Ontem, um colega disse-me que tinha de ir mais cedo para casa porque era dia da Mulher, e era ele que ía fazer o jantar.
Isso menina, hoje é o teu dia... nos outros 364 faz o favor de ter o jantarinho pronto e quentinho sempre às horas que eu quero. Mas hoje, faço eu... afinal, é o teu dia.

Felizmente, e verdade seja dita, este não é o caso do meu colega. Mas é o de muitos, concerteza!

Hoje que já é um dia banal, faço questão de dedicar esta musica a esse Ser Extraordinário que é a Mulher!


"
Maria, Maria, é um dom, uma certa magia
Uma força que nos alerta
Uma mulher que merece viver e amar
Como outra qualquer do planeta
Maria, Maria, é o som, é a cor, é o suor
É a dose mais forte e lenta
De uma gente que ri quando deve chorar
E não vive, apenas aguenta
Mas é preciso ter força, é preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria, mistura a dor e a alegria
Mas é preciso ter manha, é preciso ter graça
É preciso ter sonho sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania de ter fé na vida
"
Composição: Milton Nascimento e Fernando Brant

SECÇÕES:
,
Publicado por jpgn às 09:41
Abrir tópico | Comentar...
Quinta-feira, 8 de Março de 2007

Tanto Mar...

E esta em 1978...

"Foi bonita a festa, pá
Fiquei contente
E inda guardo, renitente
Um velho cravo para mim

Já murcharam tua festa, pá
Mas certamente
Esqueceram uma semente
Nalgum canto do jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Canta a primavera, pá
Cá estou carente
Manda novamente
Algum cheirinho de alecrim"

SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 18:24
Abrir tópico | Comentar...

Tanto Mar...

Na minha pequena pesquisa sobre o Verão Quente de 75, lembrei-me desta musica do Chico Buarque.

A letra teve duas versões. Esta foi escrita em 1975...

"Sei que estás em festa, pá
Fico contente
E enquanto estou ausente
Guarda um cravo para mim

Eu queria estar na festa, pá
Com a tua gente
E colher pessoalmente
Uma flor do teu jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Lá faz primavera, pá
Cá estou doente
Manda urgentemente
Algum cheirinho de alecrim
"

SECÇÕES:
Publicado por jpgn às 18:21
Abrir tópico | Comentar...
________________________________________________


SECÇÕES

- mensagem -

abril

actualidade

automoveis

cidadania

divagações

férias

fotografia

fotografias

memoria

memorias

memórias

musica

poesia

sociedade

todas as tags

FRESCOS:

Dedicatória

O Fim

Fado Fátima Futebol

Estranha Ditadura

Love Will Tears Us Apart

Prioridades

Que Grandes Bombas

Entregar o Palácio às pes...

Coerências

Marcel Marceau

Portugal no seu melhor...

Convexo

Comboio

O Pequeno Galo Vermelho

Lei de Murphy

MADUROS:

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007